Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

ADR Barreiros - Velhas Guardas

Associação Desportiva e Recreativa de Barreiros - LEIRIA

Jogamos no Valado de Frades

O compromisso de Sábado é com os amigos do Seca Pipas, equipa com quem confraternizamos pela 5.ª época consecutiva.

O jogo terá lugar no Campo de Valado de Frades e está agendado para as 18:00.

Vamos concentrar-nos na sede da ADRB para sair às 16:30. 

563686_453871121355789_2075406322_n.jpg

Valentes, mesmo!

20170520_175624 - Cópia.jpg

O adiantado da época vai dexando marcas. Desta vez o míster não ficou com problemas de consciência, na hora de escolher o onze ... quer dizer ... os onze!!! Isso mesmo, nem mais um para amostra. Bem, a amostra chegou mais tarde, nem podia ser de outra forma.

Como (quase) sempre nestas situações, há que tocar a reunir! E, acredite quem não viu, das fraquezas se fizeram forças mil.

Sempre mais contidos (pudera!), nunca perdemos a organização e o espírito de entreajuda.

Os amigos da Ortigosa iam tentando, de várias formas, mas a nossa coesão raramente permitiu atrevimentos de maior.

Até que aos 24 minutos o Humberto se lembrou de inventar um golo. Foi por ali abaixo e tão espectadores foram "adversários" como companheiros de equipa. O rapaz resolveu a coisa sozinho e, pela nossa parte, ninguém levou a mal.

O cenário ficou mais negro, alguns minutos antes do intervalo. Nelson, ex-guarda-redes, ex-trinco e em processo de conversão como central de alto gabarito, viu o joelho ceder (as melhoras, campeão!).

Acabámos a 1.ª parte a dar 110% cada um de forma a remendar o que esburacado estava.

Já com onze novamente, mas com alguns, habituados à sua meia parte da praxe, a terem que prolongar o esforço, lá nos arrumámos para suster as esperadas investidas do nosso opositor.

 

 

Último troço!

Mais uma época quase a terminar mas, antes de irmos a banhos, ainda temos alguns compromissos para cumprir, agora em modo contínuo até 10 de Junho.

A série inicia-se este Sábado com mais um jogo no Campo Estrelas do Lis, na Ortigosa, e embora nos caiba o papel de visitados acontece que quem joga mesmo em casa são os amigos do S.º Amaro.

O combinado é que o jogo comece às 17:30!

89_C_93835388.jpg

 

Foi uma festa!

VGnovonovo_Casa (1).png

Chegámos à dúzia de encontros com os amigos do Vimeiro e o que se pode dizer é que podem vir mais doze que ninguém dará o tempo por mal passado.

O jogo foi animado, com golos em quantidade e repartidos de igual modo.

Como vem sendo hábito estivemos melhor na metade inicial embora não se devam incluir aqui os primeiros dez minutos, período em que mais parecia não termos saído, ainda, dos balneários.

Depois a coisa compôs-se e começaram as surgir as primeiras oportunidades.

No espaço de 5 minutos Filipe marcou tantos golos como nos 18 jogos anteriores. Primeiro numa combinação de passes com o Humberto e depois numa finalização fácil em cima da linha de golo.

Parecia uma vantagem confortável mas o curioso do apito foi generoso nos descontos e os nossos convidados reduziram no último suspiro. Com alguma felicidade porque a bola bateu num dos nossos e traiu o Fernando.

Se foram "retardados" a marcar na primeira parte emendaram bem na segunda. Não estava decorrido o primeiro minuto e já havia empate no marcador. Penalty, por mão na bola. E nem foi preciso vídeo árbitro!

Ainda voltámos para a frente com um golo do Humberto, isolado a partir da linha do meio campo, mas reagiram bem os homens de Alcobaça e equilibrou-se, de novo, o marcador. E assim é que ficou bem!

À noite arriscámos um cenário diferente, bem nas barbas de S. Jorge. 

Mas quando chega a hora de retemperar forças, não importa onde, os amigos do Vimeiro ganham sempre ... de goleada! De facto há palavras curiosas ... são goles, mesmo! 

Recebemos o Vimeiro!

19337225_9at4V.jpg

Terceiro Sábado consecutivo a dar uns pontapés!

No próximo, o encontro é com os amigos do Vimeiro e está agendado para as 17:30, no Campo Estrelas do Lis, na Ortigosa.

Usados, como novos!

VGnovonovo_Fora (1).png

Nova prestação de bom nível, com o hábito, já enraizado, de começar bem e acabar assim-assim.

Entrámos com o 11 mais velho de sempre (também temos aquela estranha mania de fazer anos ... todos os anos); cinco valentes na casa dos cinquenta (dois deles a bater à porta dos ses...ta!!!); quatro acima dos quarenta e apenas dois abaixo daquela marca.

Pelo que se viu na primeira metade bem se pode reforçar que a idade é um posto!

Das muitas oportunidades que criámos aproveitámos duas, desta vez suficientes para gerir uma segunda parte que se adivinhava mais complicada. No banco sobravam dois reforços ... mais tarde três (mas este só veio mesmo atrapalhar!).

Voltando aos golos, não vão os seus autores acusar o esquecimento, aqui fica o registo. Marcou primeiro o Humberto, aos 18 minutos, com um remate chegado ao poste mais próximo (talvez o GR esperasse o contrário ...) e fechou o Zé Luís, dobrado aquele tempo, com um remate cruzado de belo efeito (o que isto custa escrever ...) levando a bola a embater no poste antes de entrar.

Na segunda parte merece nota o desaproveitar de um penalty. O tal 3.º reforço chegou-se à frente para a cobrança mas a bola ganhou altura desmesurada.

Perto do fim os amigos das Várzeas marcaram o ponto de honra.

 

  Ver FOTOS

Ao fim da tarde!

Segundo jogo de uma sequência de três, sempre no mesmo recinto.

Desta vez, porém, cabe-nos o estatuto de visitante sendo os amigos das Várzeas a abrir a porta.

O jogo está agendado para as 18:00, bem ao fim da tarde.

DSCN0477 - Cópia.JPG

Golos e mais golos!

VGnovonovo_Casa.png

Tarde de muita produção ofensiva com o saldo a chegar quase à dezena!

O marcador não pendeu só para um dos lados mas também não acabou propriamente igualado. Digamos que por cada dois tiros certeiros a nosso favor responderam os amigos do Paradense com um.

E ninguém esteve com rodeios. Bem cedo começaram as aproximações à baliza contrária. Marco, um dos nossos centro avantes, foi protagonista na fase inicial. Desperdiçou uma, duas, ... mas acabou por chegar a bom porto, isto tudo até ao 8.º minuto.

Responderam os visitantes, igualando à passagem dos 16 minutos, com um remate de fora da área, pleno de colocação.

A nossa inclinação ofensiva não sofreu abalos e, em escassos seis minutos, marcámos três vezes. Humberto bisou e Gonçalo também assinou o ponto.

A segunda parte mostrou duas equipas menos organizadas tornando o jogo mais anárquico. Neste período o saldo foi mesmo equilibrado com dois golos para cada lado.

Assim se cumpriu o vigésimo jogo com os amigos de Chão da Parada. Como (quase) sempre com bons motivos para guardar no álbum das recordações.

O quase, desta vez, refere-se ao Celso que teve que sair antes do programado. Um lance completamente acidental deixou-o com sérias limitações.

Votos de rápidas melhoras! 

De volta!

image003.jpg

Agora é sempre a andar até ao final de época.

Tirando uma pausa no fim de semana de 13 de Maio (tínhamos um estágio programado para Fátima mas cedemos a reserva ...) não há sábado sem jogo até ao dia 10 de Junho.

A empreitada começa já neste fim de semana, com a recepção aos velhos amigos do Paradense.

Encontro marcado para o Campo Estrelas do Lis, na Ortigosa, para iniciar às 15:30 (realiza-se um jogo depois do nosso).