Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ADR Barreiros - Velhas Guardas

Associação Desportiva e Recreativa de Barreiros - LEIRIA

Vitória no tapete, goleados à mesa!

Fica já prevenido o leitor. O pessoal das Caldas é levado do c...... (acho que não me enganei no n.º de pontinhos). Que grande empreitada arranjaram aqui ao escriba, metido em trabalhos forçados para não desiludir quem, por esta via, pretenda recordar a tarde/noite de Sábado.

Da parte desportiva ainda se arranjam aqui umas tiradas à Gabriel Alves e a coisa resolve-se. Para contar o que se passou a seguir bem precisava de umas loiras frescas para soltar a inspiração mas olho para o lado e só vejo uma garrafa de água (Fastio, ainda por cima. Quem foi o desgraçado que se lembrou de um nome destes?).

Tire-se então o Gabriel Alves da prateleira. Tarde agradável para a prática do futebol num relvado bem tratado (no tempo dele ainda não havia sintéticos e o esforçado comentador ainda usa as mesmas lentes do Mundial de 66). Entraram melhor os visitantes tirando partido do vento. Bem cedo começou o desperdício de oportunidades, algumas de forma lastimável (estavas bem calado). Os 17 (11 de cada vez) reagiram bem e passaram a incomodar também o GR visitante. Jogo entretido com a bola a não ter grandes motivos para se queixar de maus tratos.

Na segunda parte o vento não mudou de campo pelo que calhou a uns o que já tocara a outros. Num lance de contra ataque, lançado por um rapaz que sabe do ofício, Norberto marcaria o único golo do jogo. A partir daí não faltaram oportunidades aos da casa para tirar o zero do (seu)marcador. Puxou dos galões o GR adversário com duas ou três defesas que ficam mal a um rapaz de cinquenta anos (prontos, 51). Noutros casos valeu a fraca pontaria dos esforçados homens de branco.

O resultado podia ter sido mais cruel se um cromo com número de jogador da bola e mania que tem jeito para a função, não tem acabado no tapete a pedir perdão a Deus e a todos os Santos pelo pecado do esbanjamento (esta já não é bem do amigo Gabriel, o melhor é colocá-lo de novo na prateleira, que o jogo já acabou).

O pior estava (está) para vir. Terminado o jogo, pensávamos que o trabalho estava feito. Puro engano, grande coça nos esperava. A via sacra começou no berço dos "17", está-se mesmo a ver de que tipo de igreja se trata. O padre e os sacristões de serviço não estiveram com meias medidas. Em bandejas ou em grades, grandes ou pequenas, frescas, sempre frescas.

Depois da igreja, o Paraíso (e aqui o nome até vem a calhar). Comida farta e variada. Mais parecia um casamento. Casamento Gay, como dizia um dos nossos bem humorados anfitriões (eram só homens!!!). Muitos de nós deixaram o último prato por sujar, culpa do nosso fornecedor caseiro que nos mantém à míngua e nos obriga a fazer estas tristes figuras frente a companheiros habituados a tão avantajado tratamento (o nosso presidente fez uma minuciosa reportagem fotográfica e vai tomar medidas).

Depois da tareia à mesa, selada com a entrega de um "recuerdo" das Caldas (não é o que estão a pensar, é ... 20 vezes pior) e quando no preparávamos para sair de mansinho, nova emboscada daquele bando de malfeitores.

Duas horas depois (depois das três passadas à mesa), a muito custo, quase tendo que pedir em papel de ofício, lá nos conseguimos safar. Nunca tínhamos sido goleados desta forma. Os homens cantam o fado, contam anedotas, fazem stand-up e bebem (e fazem beber) como nunca se vira.

Um bem haja para os amigos das Caldas e até pró ano!

 

 
Sábado, 29 de Maio de 2010
Campo Luís Duarte - Caldas da Rainha
                 Os 17 das Caldas - 0  x  ADR Barreiros - 1  (0-0 int.)
ADRB - Fernando; Rui Góis, Horácio, Paulo Alves e Armindo; Cláudio, Jorge Pires, Vítor Hugo e  Hugo; J. Alexandre e Norberto
Sup. Utilizados - Roleiro, Claudino, Jaime e Cesário
Treinador - Zé Luís
Golo - Norberto
 
OS 17 DAS CALDAS

Marlon, Zé Jaime, Miguel, Mondim e Veiga, Pietra, João Folque, Tó-Zé Ribeiro e Norberto, Filipe Russo e Zé Manel.

Reforços – Ritinha, Creio e Diogo

Mister – Fernando Belo

 

Espreitem mais fotos no blog dos nossos amigos (aproveitem e leiam a crónica)